O universo das vendas, ainda mais com o avanço constante da tecnologia e as mudanças de comportamento do consumidor, pode parecer muito complicado. Mas, você tem os recursos certos, basta saber usá-los

Não venda apenas um produto, venda uma ideia

Vender mais é algo que todo mundo quer e precisa. Empreendedores e empresas precisam a todo momento de mais vendas e, para isso, é preciso ter cada vez mais profissionais qualificados, que sabem como vender um produto ou serviço.

Já foi o tempo em que trabalhar com vendas era uma ocupação e não uma profissão. Hoje, o vendedor é responsável não apenas pelo desempenho, como também pelo crescimento de uma empresa

O avanço das tecnologias digitais, é cada vez mais nítido que o que une as pessoas são as ideias. A imagem que se tem sobre algo vale muito mais do que o algo em si, inclusive financeiramente. O desgaste da imagem causa mais prejuízos do que um produto defeituoso, e essa lógica se mantém na hora de vender esse produto ao público.

Seja qual for o produto ou serviço que sua empresa vende, você não o vende mais pelo produto, o vende pelo efeito que ele tem na vida das pessoas que o compram. Um excelente exemplo é o de sistemas de segurança. Não se vende câmeras. As pessoas não querem saber da definição, da alta tecnologia, elas querem se sentir seguras. Por isso, a empresa vende “segurança”.

A venda está atrelada ao que aquele produto ou serviço faz o consumidor sentir. Se vende, realmente, uma ideia. É por isso que o branding, que é todo o conceito ligado à marca, é um dos focos principais de qualquer empresa hoje em dia. Tecnologia para criar um produto de qualidade é quase certa. A garantia de um bom produto é quase certa.

Pode ser um conceito complicado de colocar em prática, porque essa é uma questão de entendimento do pensamento do consumidor, e trabalhar com algo intangível não é fácil.

O ponto é que os profissionais de marketing se deram conta que as pessoas se ligam e se relacionam de verdade é com as marcas, com o que elas representam e é isso que deve ser alimentado. A marca, hoje em dia, é mais do que costumava ser, ela é uma persona viva de quem a empresa é, algo que, embora intangível, é o que dialoga e ‘convive’ com seus consumidores.

Não venda apenas o seu produto, venda sua empresa, venda quem ela é e, principalmente, a ideia por trás de tudo. É nesse ponto que o marketing, sobretudo o digital, mais ganha destaque, atuando como mecanismo de relação entre consumidor e marca, gerando pontos de reforço, criando conexões, nutrindo relacionamentos.

O universo das vendas, ainda mais com o avanço constante da tecnologia e as mudanças de comportamento do consumidor, pode parecer muito complicado. Mas, você tem os recursos certos, basta saber usá-los.

0 0 votes
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários